O antigo Grupo Escolar de Laranjeiras do Sul

Prédio onde funcionava, inicialmente, o Grupo Escolar de Laranjeiras do Sul, renomeado em 1946 como Grupo Escolar Tiradentes (atual Aluísio Maier). O prédio abrigou a Escola Normal Regional Floriano Peixoto e a Escola Normal Colegial Leoncio Correia. A construção situava-se na mesma quadra da Igreja Matriz na rua Marechal Rondon e foi demolido. Funcionaram aí também a Escola de Aplicação e Escola Leocádio Correia. (Fonte: acervo da Família Camargo enviada para a página “Laranjeiras do Sul: histórias e memórias” por Fátima Camargo. Post Views: 92

Leia Mais

Uma foto histórica e emblemática de Cascavel

A foto que compõe o arquivo do Museu da Imagem e do Som (MIS) é histórica e mostra um dos momentos mais emblemáticos da história de Cascavel. Trata-se do enterro do vereador Adelino Cattani, que foi morto a tiros, em 1954, numa tragédia envolvendo duas famílias tradicionais da época. A foto foi feita na rua que hoje é a Avenida Brasil, quase esquina com a Pio XII. É possível perceber o respeito dos homens da época, todos com o chapéu na mão. Destaque para as casas comerciais de madeira da…

Leia Mais

A ponte construída pelos moradores no rio Divisa, em Cantagalo

Por volta de 1980 os moradores da então hoje Linha Vicente – que era composta na época por 3 grupos familiares: a família Vicente (a maior delas), a família Zortéa e a família Lima, reuniram-se e com mão de obra própria e, somente com auxílio de um trator emprestado da serraria Augusto Thomaz, construíram esta ponte sob o rio Divisa, colocando quatro grandes troncos de árvores sob o leito do rio e pregando pranchas de madeira, pois até esta data a travessia era feita por dentro da água. (Colaboração Nano).…

Leia Mais

O trágico acidente sobre a ponte do Rio Coutinho em 1979, em Guarapuava

Acidente com o ônibus da Princesa dos Campos no Rio Coutinho, em 30 de maio de 1979, um dia muito frio onde houve até registro de neve. Provavelmente o maior acidente da história de Guarapuava, tragédia que ceifou a vida de mais de 40 pessoas. Segundo a dona Maria Conceição Roseira Carneiro uma das sobreviventes desse acidente, morreram 47 pessoas e sobreviveram 5 pessoas. Segundo relatos de testemunhas da época o motorista do ônibus parou na cabeceira da ponte para dar a vez à um automóvel, temendo que os dois…

Leia Mais