Prefeitura cria Gabinete de Crise e primeira ação tomada suspende o transporte coletivo

Até o dia 8 de março os ônibus deixam de circular na cidade para evitar a disseminação ainda maior da Covid-19. Transporte será exclusivo para trabalhadores de estabelecimentos de saúde

A Prefeitura de Cascavel instituiu, nesta segunda-feira (1), o Gabinete de Crise, para deliberar ações de enfrentamento à pandemia de Covid-19.

A primeira ação tomada foi suspender o transporte público de passageiros em Cascavel, a partir desta terça-feira (2), até o dia 8 de março, período em que está em vigor o decreto estadual que aumenta as restrições em todo o Paraná. Hoje, os ônibus funcionam normalmente até às 22h. A partir de amanhã a circulação será exclusiva para o transporte trabalhadores que atuam no setor de saúde.

De acordo com o prefeito Leonaldo Paranhos,  35 a 37 mil passageiros utilizam diariamente o transporte coletivo. Levando em consideração que o número de casos de Covid-19 tem aumentado exponencialmente, a decisão do Gabinete de Crise tem como objetivo desacelerar a disseminação do vírus.

“Tendo em vista que estamos sem leitos e sem condições de contratar mais servidores, é uma medida que tinha que ser tomada. O transporte, não só de ônibus, mas de metrô também, é considerado o maior vetor do vírus”, observa Paranhos.

Segundo o prefeito, que na manhã de hoje visitou o Hospital de Retaguarda e a UPA Brasília,  o momento é de caos e dias piores se desenham. “Decidimos que a partir de amanhã o transporte coletivo vai parar. Somente serão autorizados a usar o serviço, os trabalhadores da saúde”, enfatizou Paranhos.

A presidente da Transitar, Simoni Soares, explica que o sistema de Transporte Coletivo transporta cerca de 35 mil passageiros ao dia, sendo sua maioria em horários de pico e que não é comportado de forma ideal, dentro das necessidades sanitárias de segurança exigidas para o combate a proliferação da Covid-19. “É uma medida extrema, mas necessária, se consideramos que este é um dos locais com maior índice de transmissão do vírus”, completa Simoni.

Uma portaria com a suspensão das atividades do transporte público está sendo editada para publicação no Diário Oficial do Município.

Foto e Texto: Secom Cascavel

Related posts

Leave a Comment