Índice de infestação pelo Aedes aegypti em Cascavel é de 0,5%

Neste levantamento, foram encontrados 24 focos de dengue durante a vistoria a 4.341 imóveis sorteados em todos os bairros de Cascavel.
O segundo Levantamento Rápido de Índice para Aedes aegypti (LIRAa) deste ano mostra que Cascavel tem 0,5% de infestação pelo mosquito. O mapeamento realizado entre os dias 12,13 e 14 de abril faz parte das ações da Vigilância em Saúde Ambiental, por meio do Setor de Controle de Endemias.
Neste levantamento, foram encontrados 24 focos de dengue durante a vistoria a 4341 imóveis sorteados em todos os bairros de Cascavel.
De acordo com a Clair Wagner, gerente da Vigilância em Saúde, embora o número esteja sob controle é importante que o monitoramento por parte da população continue.
“Precisamos que os moradores façam o dever de casa, com a faxina semanal, não deixando locais que possam acumular água. Lembrando que a dengue é uma doença de prevenção e o combate ao vetor é um dever de todos”.
Nos bairros onde o índice de infestação é maior, servidores do setor de Endemias intensificam as vistorias nos próximos dias, focando nas orientações e eliminação dos focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue.
No último boletim divulgado nesta quarta-feira (14), Cascavel tem 105 casos positivos de dengue (entre julho de 2020 e 14/04/2021).
Foto e Texto: Secom Cascavel

Relacionadas

Leave a Comment