Diretor e professora são afastados de colégio após exposição polêmica no Paraná

A exposição que gerou polêmica na última sexta-feira no Colégio Dom Geraldo Fernandes onde foram expostos objetos utilizados em abortos e bonecas cometendo suicídio alem de um bíblia rasgada e queimada chocaram muita gente, principalmente pais de alunos. A direção da escola afirmou que a exposição foi realizada para mostrar temas que são discutidos pelos alunos do ensino médio. Em uma carta aberta, divulgada nessa segunda-feira (30), a escola diz: “Durante as aulas, a docente procurou apresentar a proposta dessa corrente artística, pedindo aos discentes que escolhessem temas que lhes incomodassem em seu…

Leia Mais