Nascimento de um bebê deixa governo perturbado

O nascimento de uma criança do sexo masculino na cidade de Belém está provocando uma série de reações até no governo do país. É que a criança está sendo chamada de “rei dos Judeus” por causa de fenômenos vistos nos céus por pessoas que visitaram o bebê. Alguns dizem que o nascimento estaria relacionado a uma profecia registrada há sete séculos pelo famoso vidente Isaías.

Uma fonte ligada ao palácio do rei Herodes, em Jerusalém, relatou que ele ficou furioso ao saber que a criança estava sendo adorada pela população e chamada de Cristo, o Messias que salvará Israel. O governador mandou reunir seus oficiais e questionou onde deveria nascer o Cristo, de acordo com o que foi relatado pelos profetas da antiguidade. “O profeta escreveu que seria em Belém da Judeia”, disse um dos oficiais citando o texto do livro de Isaías.

Três homens que teriam ido até Belém para visitar o menino, que recebeu o nome de Jesus, foram chamados às pressas ao palácio por Herodes. Eles relataram ao rei que viram uma estrela que os guiou até o local onde o bebê nasceu, uma estrebaria de animais. “Informem-se com precisão sobre o menino e me avisem, pois também quero adorá-lo”, disse o governador.

Os três homens, visivelmente entusiasmados com o nascimento do bebê, relataram com detalhes o ocorrido a Herodes. Eles levaram presentes caríssimos ao bebê que está chamando a atenção de toda a população.

A reportagem tentou contato com a família da criança, mas a informação é de que os pais temendo a visita de Herodes fugiram para uma cidade egípcia. Uma das pessoas que viu a fuga disse que os pais do bebê, identificados apenas pelos primeiros nomes – José e Maria –, teriam dito que um anjo apareceu em sonho ao marido e pediu para que eles fosse até o Egito, pois Herodes teria planejado a morte da criança. O casal preferiu não arriscar e fugiu.

(A história acima pode ser encontrada no capítulo 2 do Evangelho de S. Mateus)

Deixe uma resposta