Correspondente da Globo diz que volta de Jesus é uma “maluquice”

O jornalista da TV Globo, Jorge Pontual, correspondente da emissora nos Estados Unidos, afirmou durante participação ao vivo no G1 que a decisão de Trump de reconhecer Jerusalém como capital de Israel foi motivada exclusivamente pela política interna com objetivo de agradar a base do presidente, os cristãos evangélicos, representados pelo vice-presidente Mike Pence.

Segundo ele, Pence faz parte de uma corrente de direita cristã que apoia Israel incondicionalmente, os chamados cristãos sionistas.

Na reportagem, Pontual explicou que os cristãos acreditam que com Jerusalém sendo capital de Israel, facilita a reconstrução do templo de Salomão, condição necessária, segundo o jornalista, para volta de Jesus Cristo e o fim dos tempos.

“Visão apocalíptica, eles estão caminhando para o Apocalipse achando que eles, esses cristãos mais fundamentalistas, vão ser salvos, enquanto nós, que não somos assim tão radicais vamos ficar para trás. É uma maluquice, mas é uma crença religiosa. É uma questão teológica, só que está alimentando a política externa americana”, afirmou o jornalistas.

Assista ao vídeo aqui

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *