Casa de Oração completa 35 anos de ministério

Outubro é  mês de festa e celebração na Casa de Oração Para Todos os Povos em Cascavel que está completando 35 anos de ministério. No próximo domingo, dia 14, um culto especial será ministrado para comemorar o aniversário. De acordo com o bispo Davi Freire, líder do ministério, o pastor Daniel Orlandi, presidente da Opevel (Ordem dos Pastores Evangélicos de Cascavel) irá ministrar no culto, que terá início às 18h30.

Renda revertida para projeto missionário. Vendas apenas em Cascavel

A Casa de Oração Para Todos os Povos nasceu no dia 11 de outubro de 1983 e foi formada por um grupo de irmãos que tinha um ardente desejo no coração por um trabalho mais avivado, mais aberto, mais alegre e com mais liberdade para dar vazão aos sentimentos do coração em louvor e glorificação a Deus, movidos pelo Espírito Santo. Esse grupo era composto por 30 pessoas, representando 12 famílias, que logo foi acrescido por outras famílias que até então estavam indefinidas.

O primeiro culto foi realizado no dia 11 de outubro daquele ano na casa do irmão Sebastião Peres Machado, no bairro Santo Onofre. “Contamos com a presença de vários convidados, entre eles, os pastores Nilton Tuller e Jaime Diaz Lillo. Esse culto foi uma bênção, pois saímos unidos e irmanados para a grande batalha contra o mundo, a fim de ganharmos almas para Cristo”, explica o bispo Davi.

Primeiro líder

Um dos irmãos do grupo tomou a frente para iniciar esta Igreja, dando os passos necessários para estruturar e registrar a mesma. Silas Ribeiro dos Santos, muito batalhou para o crescimento e bom andamento da Igreja, dando boa parte do seu tempo para a Obra de Deus que estava dando os seus primeiros passos. No início, a Igreja recebeu uma importante ajuda do pastor Nilton Tuller, que enviava irmãos para cooperarem nos cultos, tendo em vista ser ele amigo pessoal do irmão Silas.

Primeiro templo

Logo a seguir os membros compraram uma casa no bairro Santo Onofre, que passou a ser o templo provisório. No dia 19 de outubro de 1983, aconteceu o primeiro culto no templo. “Deus estava abençoando não só na área espiritual, mas também na área material, providenciando os recursos para conseguirmos o nosso próprio local para cultuarmos a Deus”, diz o bispo Davi.

Primeiro pastor

Dentre os vários irmãos e pastores que visitaram a igreja, estava o pastor Paulo da Silva Canuto, o qual, a partir de 22 de fevereiro de 1984, passou a pastorear a nossa Igreja. Ele se tornou o primeiro pastor da denominação. Homem de fé e oração e muito dedicado na Obra de Deus, muito se esforçou para a expansão do trabalho de Deus.

Segundo templo

No início de 1984, o irmão Silas e Pr. Paulo, após um dia de oração e jejum, passavam em frente ao terreno onde hoje está localizada igreja usando o irmão Silas disse do seu desejo de construir o templo naquele local. Os dois irmãos entraram no terreno, sobre o “matagal”, e oraram reivindicando aquele local para a Casa de Deus, baseados na palavra “todo lugar que pisares te darei por possessão”. Após este momento, foram ao cartório verificar quem era o proprietário, chegando assim, até a Dona Léa Cordeiro, proprietária do terreno.

No dia 13 de março de 1984, foi comprado o terreno onde, futuramente, seria construído o templo definitivo.

Alguns dias depois, foi comprado outro terreno ao lado, fazendo assim, uma área maior que possibilitou a construção do templo do tamanho necessário, ou seja, como estava planejado. Deus continuou abrindo as portas e aprovando o trabalho. Foi então que o irmão Silas comprou outro terreno ao lado dos terrenos da Igreja e construiu o segundo provisório para as reuniões, facilitando bastante, visto ser bem mais perto para a maioria dos membros da Igreja. O templo foi construído com recursos do próprio irmão Silas e cedido, temporariamente, à Igreja.

Templo definitivo

Após a mudança para o segundo templo provisório, a propriedade do bairro Santo Onofre foi vendida e o dinheiro usado nana construção do novo templo, que estava dando os seus primeiros passos. No dia 2 de março de 1985 foi feito o lançamento da pedra fundamental do novo templo, com a participação de irmãos de várias igrejas, tendo como preletor o Pastor Nilton Tuller, de Maringá, o qual também esteve presente nas comemorações do 2º aniversário da igreja, quando os membros a congregar no novo templo, mesmo inacabado, mas em condições de uso, devido ser mais espaçoso. Uma pré-inauguração foi realizada. “Sentíamos o Senhor operando milagres, um após outro, pois esta construção estava sendo levantada pela fé, uma vez que éramos um grupo pequeno e a maioria dos irmãos pobres financeiramente, mas graças a Deus, pois estávamos confiados em um Deus que é rico, dono da prata e do ouro”, destaca o pastor.

A construção deste templo foi um grande milagre e contou com um fato interessante: Havia necessidade de pelo menos umas 30 cargas de terra para o aterro do templo, os recursos eram escassos, mas a igreja estava em oração. Naquela semana máquinas começaram a trabalhar para abrir o final da Rua Érico Veríssimo, para a entrada da garagem da Eucatur. “O irmão Silas foi até o responsável pelos serviços para verificar a possibilidade de doar-nos a terra, o homem agradeceu, pois iriam jogar a terra em outro locar distante, então a terra foi colocada na frente do templo, o que foi suficiente para as nossas necessidades. Este é o nosso Deus que provê”.

Vários pastores passaram pela nossa igreja. A partir de 1991, o pastor Davi Valim Freire assumiu a liderança geral da igreja, contando com vários pastores, desde então, para auxiliá-lo na missão de pastorear a Igreja de Deus.

Hoje, além da igreja sede, existe outra no bairro 14 de Novembro, Ibema e Guaíra. A sede, que completa 35 anos, é pastoreada pelo pastor José Alves Pessoa, com auxílio dos pastores Ivaldo Silva, Antonio Daniel Nunes, Claudinei Alves Freitas, além da equipe de líderes. O Bispo Davi é o Presidente da Igreja.

 

Deixe uma resposta